Por prédios da CESP e sede da usina, grupo quer mobilizar população

  • Imprimir

Douglas Cossi Fagundes
Da Redação

 

O grupo que reúne representantes da Prefeitura, Câmara e diversos segmentos da comunidade, quer mobilizar a comunidade por apoio às reivindicações pelos prédios da CESP, que vem sendo reivindicados pelo Município, e para que a usina volte a ser sediada em Ilha Solteira.

Um material publicitário vem sendo preparado, com informações sobre os assuntos. Além disso, atos na cidade podem ser organizados, inclusive em parceria com outros Municípios da região. “Vamos fazer uma mobilização, ações para mobilizar a cidade em torno dessas demandas, para tentar sensibilizar os políticos e atendam as nossas reivindicações”, disse o prefeito Otávio Gomes (DEM).

Otávio vem solicitando, para a CESP e o Governo do Estado, que o Município mantenha sob seu controle, os imóveis que hoje são ocupados por diversas instituições de Ilha Solteira, que podem ser envolvidos em uma provável privatização da CESP, o que o Governo Municipal vem tentando evitar.

São vários os imóveis em jogo, hoje ocupados pela UNESP (antigo Centro de Treinamento), UNIESP, Colégio Anglo, GRECEL, Clube SEIS, antigo Laboratório de Engenharia Civil, entre outros. A proposta inicial é que esses imóveis seriam doados para o Município. Mas, devido a eminente privatização da estatal, a empresa paulista teria “desistido” da negociação.

O prefeito também já pediu que o Governo do Estado acione a justiça para recuperar a sede da usina de Ilha Solteira que, após mudança feita pelo Ministério de Minas e Energia, passou a ser sediada na cidade de Selvíria, no Mato Grosso do Sul.

Por decisão do Ministério da Minas e Energia, baseado em parecer do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que divulgou que a usina de Ilha Solteira está localizada em Selvíria, no Mato Grosso do Sul, e não em Ilha Solteira, o domicílio fiscal “passou” para a cidade vizinha. Já o Instituto Geográfico e Cartográfico de São Paulo (IGC) diverge dessa posição.

A expectativa é que a campanha de mobilização da população ganhe as ruas até o final do mês


Receba notícias de Ilha Solteira pelo Whatsapp

Quer receber notícias no seu celular sem pagar nada? 1) adicione este número à agenda do seu telefone: 18 99132-5461; 2) envie uma mensagem para este número por WhatsApp, informando seu nome


O www.ilhadenoticias.com não autoriza a reprodução parcial ou integral deste texto

Os comentários postados neste texto são de inteira responsabilidade do seu autor, já que estão diretamente ligados a sua conta no facebook